Lurixs na Baró: Manuel Caeiro

10/11/11 a 20/12/11

Em colaboração com a Galeria Lurixs de Rio de Janeiro, Baró apresenta a individual do artista português Manuel Caeiro (Évora, Portugal, 1975).

A pesquisa de Caeiro é produto de uma reflexão que abarca várias disciplinas artísticas. Arquitetura, desenho e pintura são confrontadas na construção do espaço, que colocam o espectador não como mero assistente, mas como usufruidor e construtor.

Em Caeiro a casa e as suas ramificações ocupam um lugar de destaque. Desde as suas primeiras pesquisas é notória a atenção que o artista confere “aos sinais do fazer e do fazer do tempo. Nos seus trabalhos mais recentes concretizados com estruturas de segurança existentes em canteiros de obras, o artista procura ampliar o seu potencial pictórico e escultórico. O objetivo é a criação de espaços pictoricamente funcionais, que aproximem o espectador, de estruturas arquitetônicas que apelem à contemplação.

Em 1999, Caeiro inicia o seu percurso ainda enquanto estudante da escola de Belas Artes de Lisboa. Desde então tem participado em diversas exposições, destacando as individuais “Reconstruction and Rebuilding”, Guimarães, Portugal (2006); “Reconstruyendo el Vacío”, Léon, Espanha (2007); e “Paredes Ocas”, Barcelona, Espanha (2008), e coletivas “Exposição/exhibition Terceira Metade”, MAM Rio de Janeiro (2011), “Surrounding Matta-Clark”, Lisboa, Portugal (2006) e “Parangolé”, fragmentos desde os anos 90 – Brasil, Portugal e Espanha. Caeiro também está presente em feiras internacionais como ARCO Madrid, VOLTA New York, SPARTE São Paulo, Arte Lisboa, e na primeira edição de ARTRIO no passado mês de setembro.

OBRAS

Vista da exposição // Lurixs na Baró: Manuel Caeiro

Vista da exposição // Lurixs na Baró: Manuel Caeiro

Vista da exposição // Lurixs na Baró: Manuel Caeiro

Vista da exposição // Lurixs na Baró: Manuel Caeiro

Up Side Down

acrílica sobre lona // 200 x 280 cm // 2010

Vidigal

acrílica sobre lona // 200 x 381 cm // 2010

Twins

alumínio, acríilica, fios elétricos e neon // 2010

Trompe L’oeil

acrílica sobre linho // 180 x 180 cm // 2010

Trompe L’oeil

acrílica sobre linho // 180 x 180 cm // 2010

O empeno

acrílica sobre linho // 160 x 130 cm // 2009

Protected Emptyness

acrílica sobre linho // 160 x 130 cm // 2009

Mirror #1

acrílica sobre lona // 200 x295 cm // 2010

Mirror #2

acrílica sobre lona // 200 x 285 cm // 2010